sexta-feira, Março 23, 2007

As Mulheres na Igreja Católica de Angola apostam na Alfabetização e na Agricultura

O Pe. Marcelo Ciavatti foi o orador do tema sobre Alfabetização, ontem. Baseou-se no método Slesiano Dom Bosco que em 10 anos de serviço em Angola já tem 2000 professores e 25.000 alunos. Conta com sete prémios, dos quais 4 nacionais, 2 provinciais e 1 honroso.
O Sacerdote salesiano incentivou as mulheres a recorrerem aos postos de Alfabetização nas Dioceses, às livrarias dos salesianos e suas casas e comunidades para a aquisição do material, para o educando e o educador, que já está produzido em várias Disciplinas de estudo a fim de favorecer a rápida aprendizagem de ler, escrever e raciocinar.

A PROMAICA reunida reflectiu também ontem sobre a necessidade de incremento da agricultura numa Angola hídrica e fértil em quase todos os seus paralelos. Nas zonas rurais onde não chega com facilidade os fertilizantes, as mulheres aprenderam a usar os excrementos de animais, a cinza e outros resíduos caseiros para devolver à terra a força de produzir alimentos.

Edição do Secretariado da CEAST
Pe. Pedro Tchombela


TESTEMUNHOS DE BENGUELA E SUMBE SOBRE A PROMAICA NA VIDA SOCIAL DAS COMUNIDADES:

Benguela

- A Direcção tem visitado e sensibilizado a PROMAICA das áreas onde ainda não é bem conhecida;
- Tem efectuado visitas de constatação e de apoio metodológico às paróquias, Missões e Centros do litoral e do interior da Diocese

Principais áreas da intervençao da PROMAICA de Benguela:
- Formação de líderes e animação de grupos através de temas relacionados com a vida real e exercícios de auto-conhecimento;
- Realização de cursos de culinária com o objectivo de aperfeiçoar a confecção de alimentos e em alguns casos, garantir o emprego;
- Criação de centros de costura em algumas paróquias;
- Sensibilização e Acompanhamento aos grupos de alfabetização espalhados por diversas paróquias;
- Sensibilização das mulheres e das Comunidades em geral, sobretudo os jovens, sobre a prevenção do HIV/SIDA.
Testemunho da Sra. Isabel Nandenga Lucas Caldeira

Sumbe
- Tem efectuado visitas mútuas de algumas comunidaes da PROMAICA;
- Tem realizado a formação sobre género e liderança participativa em algumas paróquias;
-Tem cursos de culinária, corte e costura;
- Tem intensificado a abertura de centros de formação nas Comunidades;
- Tem visitado o Lar da 3ª idade, proporcionando aos velhos apoio de alimentos;
- Apostou na formação sobre projectos comunitários;
- Tem feito sessões sobre a prevenção do HIV/SIDA.
- A PROMAICA do Sumbe tem participado nas actividades alusivas ao Dia Internacional da Mulher.
Testemunho da Sra Laura Duva

Sem comentários: